Executando verificação de segurança...
71

QUEBRE A CORRENTE DOS BOOTCAMPS, POR FAVOR!!

Resolvi escrever este post após ver alguns posts de pessoas que caíram na ilusão de bootcamps.
Eu também não escapei, fui uma delas. E todas as "vitimas" vem da mesma empresa...Sim, estou falando dela mesma, o AcentoDeFoguete.

Eu cai no marketing pesado deles e acabei jogando fora 2 mil reais. Fiz um esforço tremendo para conseguir, pois atualmente trabalho por um sálario miímo, mas para a minha sorte, a minha mãe me permite investir a maior parte em meu conhecimento enquanto banca o restante das contas da casa.

Este paragrfo é para agradece-la, mãe. Tenho sorte de voce me permitir isso e também para pedi-la desculpas, voce acredita tanto em mim e eu joguei 2 mil reais fora, praticamente 2 meses de trabalho no lixo, em contéudos rasos e que não passam de um cópia/cola de projetos que nem mesmo os instrutores sabem direito o que estão fazendo e muitas vezes dizem "Só instala esta lib que ela faz por vc, o conceito eu explico depois" ou "voce não precisa saber disso, so faz o que eu faço". Não posso voltar ao passado, mas posso usar isso de aprendizado para o futuro e alertar outros colegas que estão trilhando o mesmo que eu. Se voce aprender com meu erro, eu ficarei feliz!

Depois de todo o desabafo e lamentações, vou caminhar para o objetivo do meu post. Não vou me prolongar na indústria de vendas de cursos para ser dev em 6 meses com contéudos lixos, pois vcs sabem como isso esta forte aqui no BR. E cada vez mais jovens com sonhos são enganados por esses fanfarrões.

Veja bem, não estou dizendo que nenhum contéudo BR não presta. No mar de vendedores de sonhos, poucos se salvam. Um deles é o Filipe Deschamps, com curso.dev. Isso não é um bootcamp, é uma formação onde ele tem o carinho e dedicação de explicar cada conceito e história por trás. Eu sou aluno e posso te falar, com toda certeza, esse é o único curso BR que recomendo.

Se você está se perguntando "ta, e por onde estudo para ser dev?". Bom, eu não sou ninguém para trilhar um caminho para você, você deve tomar suas próprias decisões. Assim como afirma o Fabio Akita Não terceiroze suas decisões .

O que posso te fazer por você e é o objetivo principal deste texto é mostrar meus erros e te da conselhos e visões que tive através deles. Aqui quero agradecer ao Deschamps, pois em uma aula do curso.dev ele fala sobre erros e como aprender com eles. Quero transmitir neste longo texto.

Deixando de enrolação. Eu recomento fortemente que você faça uma boa graduação (não vou me aprofundar neste ponto pois não é o objetivo principal deste texto).

Eu recomendo e até imploro que você consuma contéudos em inglês. Cursos da lang que você ta estudando na Udemy custo muito barato e com o contéudo muito rico. Um curso gringo full stack por 27 reais ensina 100x mais do que os 2k no AcentoDeFoguete com toda certeza da minha vida. Essa dica eu recebi neste post Menos Python e mais Java. Coloquei em pratica comprando um curso de c# e vendo contéudos da FreeCodeCamp e este cara estava certo. OS CONTÉUDOS SÃO MUITO BOM, BEM EXPLICADO EM CADA DETALHE. O que percebi é que eles tem o real compromisso em entregar um contéudo de qualidade e não somente te vender um curso

E se você estiver agora se perguntando "mas eu não sei inglês, como vou consumir o contéudo?".
Bom, se você estiver com dinheiro, eu sugiro fortemente que você compre um bom curso de inglês. Eu tenho um para recomendar. É o Curso de Inglês do Mairo Vergara. A didática e metodo de ensino dele é incrivel e você tem 27 aulas totalmente gratuita para testar o curso. Se não gostar, você não paga nada. E a dica final aqui é que entre os dias 15 e 20 de todo mes ele lança promoção do curso pela metade do preço, aproveite!!!

Caso não possa pagar um curso, veja as 27 aulas gratuitas do Mairo, tente aprender o básico, nem que seja somente para ler e escrever. E em último caso, tu pode consumir os contéudos legendados, hoje em dia todo lugar tem suporte para legendas. Assim, você já pratica seu inglês. Vc não precisa ser fluente em ingles neste momento, so o básico para consumir contéudos gringos.

Minha última diga é PRATIQUE!!!! Pratique cada novo conceito que vc aprender. E tão importante quanto praticar, entenda o conceito por trás daquilo que esta fazendo, entenda seu código e não seja um Dev Chaves.

Bom, o texto acaba aqui. Quero deixar bem claro, que estou somente relatando minhas experiencias e fazendo um desabafo. Obrigado a todos que lerem até aqui. E deixar mais um alerta. Tome bastante cuidado onde voce gasta seu dinheiro, não se deixe levar em promessas faceis, nem em branding de empresas vendedoras de sonhos.

11

Eu acho q comprar um curso de programação (qualquer q seja) e achar q vai virar programador em 6 meses ou 1 ano, é a pessoa se enganar. Independente de quem está vendendo o curso. Claro que aqui vale um ponto de atenção com as falsas promessas (eu nunca vi a Rocket prometendo tornar ngm programador em 6 meses ou 1 ano, não sei se o fazem, mas eu nunca vi, apesar de já ter visto vários outros fazerem isso).

Eu sou programador há 10 anos, smp trabalhei com Web e em 2021 resolvi fazer uma transição de Web para Mobile. Pois bem, eu comprei o curso da Rocket, o Ignite (que não é para iniciantes) e, para mim, foi excelente! Aprendi muita coisa que uso diariamente no meu trabalho (coisas, inclusive, que meus colegas de trabalho, que tb são engenheiros de software experientes, assim como eu, não sabiam ou tinham pouco domínio), trabalho este, aliás, que só consegui graças ao que aprendi com a RocketSeat (atualmente trabalho em uma multinacional, q está entre as 20 maiores empresas do mundo, segundo a Forbes, ou seja, trabalho em uma empresa de excelência).

Foi rápido? Não! Fiquei estudando RN de 2021 à 2023, todos os dias (principalmente através da plataforma da Rocket) isso pq eu já era programador há 8 anos.

Posso afirmar com todas as letras, por experiência própria, que o conteúdo da Rocket me ajudou, e muito, a ter a base sólida de RN q tenho hoje e a concluir minha tão desejada transição de carreira.

Mas curso nenhum, por melhor q seja, faz milagres, e se tornar programador em pouco tempo é ilusão.

4

Faaaala Devs!
Pois é!
Eu concordo com a argumentação do nosso colega aqui.
Tudo vai da cabeça de quem compra o curso.
Eu comprei o Rocketseat ONE.
Tinha feito a trilha Discover para ver se eu curtia. E curti! Então, sentei no assento do foguete!
O que posso dizer é que para quem não tem experiência e está começando do zero, o curso é massa demais!
Mas vale destacar que sou Engenheiro Eletricista de formação e tive a oportunidade de conhecer um pouco de programação, na época, a muuuuuitos anos atrás, brinquei na facul com Turbo Pascal.
Então já vinha com um pouco de lógica de programação de base.
O fato é que não existe solução modo PASTELARIA.
Ñ estou esperando virar DEV em 1 ano. Em 1 ano eu termino o curso e, em 2 quero ter construído um bom portfólio. Não apenas fazendo uso dos conhecimentos da Rocketseat mas também de todo bom material disponível na Udemy, YouTube, livros e etc...
Pois para quem não sabe, decidir ser DEV é saber que NUNCA iremos parar de estudar.
E ainda tem a questão de ser autodidata. Isso ñ é para qqr um! O cara acostumado com a mamãe fazendo e colocando o café da manhã na mesa, não se preocupando inclusive em levar a louça suja para cozinha. Este certamente está no curso errado, pois estará esperando que o instrutor faça tudo por ele. Qdo na verdade, CONHECIMENTO e APRENDIZADO são coisas bem distintas.
Aprendizado só vem com o confronto do medo e frustração durante um mão na massa por conta própria. Sim, portfólio!
Então, é isso!
Eu ñ sei onde irei chegar, mas estou animado com as possibilidades e não medirei esforços para chegar lá!

1

Boa noite, mano! Tudo beleza?

Do fundo do meu coração, fico feliz que tenha uma ótima experiencia com eles e que lhe seja util e que voce esteja aprendendo muito.

Desejo sucesso para voce, que Deus abençoe sua carreira e sua vida pessoal. Com certeza ira chegar longe na sua carreira. Disso não tenho duvidas!

1

Então, eles disponibilizam um baita curso gratuito ensinando o inicio mesmo com html e css e js, e ali já dá pra sentir como é a plataforma, então ali vc já faz um test drive legal...

cara eu to terminando a faculdade, e as aulas ao vivo que seria pra debater o que lemos no livro ou assistimos nas aulas assincronas, os alunos praticamente pedem pros professores ensinarem como e o que vai cair na prova final de cada módulo, e quando a conversa desvia disso, eles ficam bravos, já aconteceu de o professor disponibilizar codigo fonte na ultima semana pra galera conseguir dar conta de fazer um crud simples com php, então na minha opinião eu acredito que o problema acaba sendo mais sério pq além da galera estar querendo quase q de forma imediata os resultados, ainda querem tudo de forma mastigada, mas assim não vão aprender, é a mesma coisa que eu achar q em 06 meses de aula de youtube ou qualquer outro curso, vou conseguir pilotar um boing por ex, posso até tirar ele do chão, mas com certeza o fim vai ser trágico kkkk, eu só aproveitei o gancho aqui pra abordar este lado que vejo, sem contar muitos que acabam conseguindo passar nas matérias simplesmente obtendo as respostas prontas com o chat,

No começo eu reclamava bastante, pq pra mim nenhum dos professores era bom o suficiente, ai comecei a analisar os curriculuns deles, com mais de 6 e a vezes até 8 páginas de cursos e especializações, acabei percebendo que quem estava errado era eu, dei um reset e mudei minha forma de estudar, e me preparei mais, as coisas começaram a fazer mais sentido,

a galera do foguete roxo, e a galera do scuba, tem peso enorme na comunidade, isso não quer dizer que eles vao agradar a todos, ninguem consegue agradar e satisfazer a todos, mas não acho que falta transparencia em nenhuma das duas propostas.

2

Como eu e ja vi outros colegas relatando, a maioria das criticas vem da trilha do explorer. Até agora nunca vi ninguém falando mal do Ignite e acredito que na trilha do ignite eles cumprem o que promete, que é manter devs que ja atuam na area atualizado com as ultimas tendencias.

Sobre os 6 meses. Eu ja vi posts deles fazendo essa promessa. Eu ja procurei muito aqui e não achei, devem ter apagado ou não achei mesmo kkkk. Mas vi um carrosel no insta algo como "se torne um desenvolvedor profissioal em 6 meses" algo do genero.

Fico feliz que tenha comprado a trilha certa e que lhe foi util. Feliz tambem por ter tiradom um tempo para relatar sua experincia. Respondi um comentario agora mesmo sobre uma pessoa com indecisão se compra o ignite, espero que ela veja seu comentario.

Desejo tudo sucesso na sua carreira e vida pessoal!

1

Pois é, talvez o conteúdo da trilha Ignite seja melhor q das outras.

É uma pena fazerem esse tipo de promessa, pois sabemos que não é verdade e que esse tipo de coisa acaba causando mta frustração e desilusão, o que pode acarretar em pessoas (que poderiam se tornar ótimas profissionais) desistindo da área. Espero que vc não desista! Siga seu camimho com mt estudo, dedicação e persistência, pois assim, tenho ctz que conseguirá conquistar suas metas profissionais!!

3

Com certeza, eu não irei parar os estudos por isso. Eu vou fazer Engenharia de software proximo ano e estou estudando C# para backend e pretendo aprender Angular também.

Eu sei que uma hora o jogo vira e meu lugar no mercado vem. Fácil eu aprendi que não vai ser, mas eu vou percorrer o caminho das pedras mesmo, sem buscar atalhos ou facilidades, nunca mais!

Obrigado pela força e desejo sucesso em sua carreira e vida pessoal!

1

Então, eu acredito que seria mais sensato, a gente como comunidade por aqui, ter a consciencia de entender e ter a mente treinada, pra saber quais cursos são cilada ou não, explorar a grade, ver se tem muitas promessas sem cabimento, ver o quão relevantes estes cursos ou professores são na comunidade no geral.

quando aprendemos a ler e analisar estas " oportunidades " conseguimos saber quais valem ou não o nosso investimento, então nos resta nos unir e fazer o nosso dever de casa...

1

não concordo e vejo com olhos parecido com o nosso friend do post.
são cursos muito caros e tem muitas empresas se aproveitando da galera querendo entrar na área, é claro que cada um compra se quiser mas o apelo é bem grande.
Enfim, minha opnião

4

Olá! Li seu post com atenção e pude entender sua frustração e apreciação pela sua jornada de aprendizado. Concordo contigo em vários pontos, principalmente sobre a importância de se fazer uma boa graduação e buscar aprender inglês, que é uma língua-chave para expandir horizontes no mundo da tecnologia.

Um ponto que gostaria de enfatizar é o poder dos livros como ferramenta de aprendizado. Na era em que vivemos, é notável o quão fácil é procurar e encontrar os livros mais recomendados e populares sobre qualquer assunto.

Com uma simples pesquisa, podemos ter em mãos uma variedade de materiais altamente qualificados. Acredito que não é preciso ler todos esses livros de cabo a rabo, mas sim explorá-los, analisar o índice, identificar o que é relevante, e escolher qual ou quais deles serão seus guias. Assim, quando surgirem dificuldades ou questionamentos, uma infinidade de recursos estará disponível para você, incluindo cursos em vídeo ou bootcamps.

Quanto à graduação, além de ensinar os fundamentos da ciência da computação, uma graduação sólida prepara o aluno para ser um profissional autodidata. Isso é o que realmente importa. Não se trata apenas de aprender as últimas tecnologias, mas sim de estar preparado para aprender qualquer coisa que venha a ser necessária ao longo de sua carreira, por conta própria. A habilidade de aprender de forma autônoma é uma das mais valiosas que existe.

As melhores universidades do Brasil e do mundo têm sua grade curricular e outros recursos disponíveis ao público. Isso inclui exames, projetos e, claro, os livros-texto utilizados. Seguir por esse caminho é muito mais desafiador. A experiência de ter colegas de classe e professores por perto é inestimável.

No final das contas, acredito que a chave é ser um aprendiz autodidata, independente e crítico. E, como você mencionou, é essencial praticar para entender verdadeiramente os conceitos, em vez de apenas ler ou assistir videos.

Agradeço por compartilhar sua experiência e perspectiva!

1

Muito obrigado pelas dicas mano!!

Eu já sei o quero cursar, que é engenharia de software e se Deus quiser começo próximo ano e estou estudando por fora C# para backend e futuramente começo com Angular.

Os livros com certeza serão mais que amigos nesta jornada. Para aprender a ser mais autoditada estou lendo Ultra Aprendizado, que aliás recomendo muito.

1
0
1
0
2

Cara entendo sua indignação, pois também cai nesse papo do acento no foguete e olha que eu ja sou formado nessa area de TI porem acabei migrando para outra area e agora estou migrando novamente para TI e eu me senti muito perdido em o que estudar qdo resolvi voltar para TI e nisso eu acabei comprando esse curso, logo depois eu vi que existe varios conteudos gratuitos muito melhores ...me passa o link desses cursos baratos q vc achou e é muito bom.

1

Agora eles estão na promessa do Java..Queria que todos abrissem os olhos sobre essa empresa logo.

Sobre os cursos, basicamente tu pesquisa o que quer adicionando "course" ou "full course" na pesquisa. Por exemplo, se voce quiser um curso de JavaScript, voce vai pesquisar algo como "Full course Javascript", "Web Development Javascript for beginners" e assim vai.

Faça isso tanto no Youtube para contéudos gratuitos quanto na Udemy. Achará excelentes contéudos.

Como falei no post, a percepção que tenho é que lá na gringa eles tem preocupação real em transnmitir um excelente contéudo. Parece até disputa de quem faz os melhores contéudos kkk

1

Esse curso do java é ridiculo, os dois primeiros modulos liberados eles apenas "pincelam" o conceito sem se aprofundar, diferente do DevDojo que faz tudo detalhado.

No youtube acabei encontrando alguns gringos com cursos de até 9hrs

1

A Loiane Groner também ensina muito bem e de graça. Assim como o Guanabara. Fico feliz de ter pessoas que realmente tem compromisso com a educação e não com o bolso.

Os contéudos gringos no Youtube geralmente são assim. Eles também fortemente sugerem que você leia a documentação oficial da linguagem. É dessa forma na FreeCodeCamp, onde no fim da explicação de cada contéudo eles sugerem que você leia a documentação e muitas vezes até leem junto no video. E eles fazem isso para ensinar a quem estar assistindo saber ir pesquisar.

1
2

A verdade é que não tem caminho curto, mano.

Muita gente caiu nesse papo ultimamente.

Eu criei um canal no Youtube no início do ano pra ensinar as pessoas programar. To ensinando lógica de programação lá nesse momento. E tem uma galera curtindo. E de graça.

Falo algumas vezes lá que não adianta pular etapas.

Tomara que eu consiga ajudar uma galera.

Força aí, mano. E boa sorte na sua jornada de aprendizado.

Caso tenha interesse em conferir meu canal, é esse aqui: https://www.youtube.com/@ProgramandoJuntosCanal

2

Eu aprendi isso da pior forma, mas aprendi e percebi que nesta area não adianta ser corredor de 100 metros e sim corredor de marotona. Com calma e paciencia chego la. Eu ja sei que caminho quero trilhar e isto é o mais importante.

Eu vou olhar seu canal sim e entre as correrias do dia, vou acompanha-lo!!

1

É isso aí.
Entender que programar é uma missão de longo prazo muda tudo, pois você também para de se cobrar que aprenda tudo em 6 meses, já que você vai percebendo que essa é uma meta irreal, vendida pelos vendedores de cursos por aí.

Boa sorte na empreitada, mano.

Qualquer coisa tamo ae.

1
1
2
1
1

Quando os bons se ausentam, os maus se apresentam.

Essa crise que vivemos de cursos ruins sendo propagados, enganando e atrapalhando carreiras, conseguem isso por conta de 1 tema que sim, este são excelentes: Marketing.

Há sim a muito tempo excelentes cursos. Todavia, muito gastam mais na qualidade e pouco no marketing, onde infelizmente é onde pecam.

E essa falha, traz menos vendas, consequentemente menos engajamento na rede.

Todavia, vejo que os bons estão aprendendo com suas falhas, onde está a surgir cada vez mais bons cursos, com bom marketing. Há ainda o Tabu de que usar de titulos como "Aprendizado acelerado" seja coisa de couch e não se deve ser usado. Todavia, é ai que se erra, ao deixar os melhores titulos para os que irão enganar.

Um bom Marketing, quando usado para fins verdadeiros e bons, na situação que estamos de quase guerra, é a arma de persuação para tentar salvar os desavisados a não serem saqueados por aqueles que não os querem ajudar.

2

A sensação que fico é que eles enxergam o público somente como notas de dinheiro ambulante ou como números...

Isso não devia ser assim. Deviam ter consciencia de que por trás de quem esta comprando o produto, há um garoto/garota sonhadora, que quer ter uma boa formação, ter uma vida decente e ajudar sua família.

Parte desta culpa também são das pessoas que querem o caminmho fácil, ganhar 10 mil em 6 meses...Admito que já fui um desses, mas hoje vejo que ganhar 10k por mês é algo que se construi com anos de experiencia. Eu aprendi isso da pior forma possível, mas fico feliz de ter aprendido.

Agora minha perspectiva é de entrar na area daqui a 2-5 anos. Não quero ser um profissional medíocre, quero construir uma boa carrreira e para isso preciso de uma boa base. Isso vou aprendendo sem pressa. Eu mudei, deixei de correr 100 metros e agora estou numa maratona, com calma, resiliencia e bons amigos eu chego lá!!

1

O pessoal mais humilde é quem mais cai, tentando alçar uma vida melhor no menor tempo possivel. É dificil julgar, visto as diversas sensações ruins que alguns passam no dia a dia e que claramente aumejam sair disso.

Junto a isso, temos os "espertinhos" que também querem ganhar dinheiro rapido, mas não possuem tanto escrupulo para alcançar isso. Cada um a seu nivel. Uns enganam pessoal com cursos mal feitos, outros aplicam golpes de piramide e somem com milhões.

1

Eu entendo sua frustração, eu acabei comprando o curso do acento de foguete e notei que o conteudo eu já entendia e não tinha nada de especial naquilo, passei a consumir livros e conteudo da udemy, me ajudou de uma forma fantástica a evoluir, fora artigos e documentações que acabam sendo mais diretas no quesito de aprender seguindo um caminho solido.

obrigado pelas dicas, eu irei seguir o que você passou em quesito ao ingles, estou assistindo o vídeo do fabio akita nesse exato momento e espero que me isso vá me agregar mais em minha jornada, o jeito é evitar muito conteudo br, no caso do deschamps eu irei terminar uns cursos antes pois deixei muita coisa para fazer, sei que o dele tem toda essa qualidade, muitos colegas me deram um bom feedback.

A cadeira de foguete começou com uma boa proposta, o problema é eles não serem tão bons instrutores, ensinam coisas do momento mas sempre de maneira rasa e com a famosa frase "depois eu explico mais afundo" e nunca chega nisso kkkk

1

Eu to seguindo o mesmo caminho. No BR também tem a Loiane Groner, se vc estiver estudando Angular e o DevDojo que outro colega sugeriu. Qual caminho você vai seguir no quesito de linguagem e carreira?

Sobre o inglês, o Mairo Vergara disponibiliza 27 aulas gratuitas do curso dele. Sugiro que assista e avalie se vale a pena investir. Caso voce tiver interesse em adquirir o curso completo, geralmente entre os dias 15 e 20 de todo mês ele deixa pela metade do preço

Acho que o Acento de Foguete com todo o Hype que ganhou, se perdeu. Estão mais preocupados em vender do que em criar contéudo de qualidade. Eu percebo que o contéudo gratuito deles é melhor que o pago, a dedicação parece que é só para fazer as pessoas comprarem e depois a qualidade cai.

1

Foda ler isso cara... Lamento que tenha acontecido com você.

Tudo, mas tudo mesmo, que você precisa saber de programação ta aberto na internet. O lance é saber procurar. Fica minha dica de um material aí:

Pra quem quer aprender algoritmos, o melhor curso que eu já ví nessa área é o do MIT e é totalmente aberto ao público sem precisar pagar nada. Segue o curso: https://ocw.mit.edu/courses/6-006-introduction-to-algorithms-spring-2020/video_galleries/lecture-videos/. É em inglês... então infelizmente não tem como consumir sem saber a lingua =|.

Você não precisa ser o mestre dos algoritmos mais complexos, mas saber o que ta nesse curso é essencial pra evoluir na carreira.

1

bom dia, eu vou de contraponto ao seu post. Curso da Rocketseat gratis é muito bom, diga se de passagem. Curso de 2000 reais um amigo meu comprou e pelo feedback dele vale a pena o investimento, dado que o conteudo aborda muitas coisas que usamos no dia a dia, porem como qualquer outro curso ele nao faz milagres, voce vai ter uma nocao de alguns conceitos mas provavelmente nao vai estar preparado para o mercado, para burlar isso sera necessario empenho em pegar outrso cursos , outros artigos e ter uma imersao muito profunda no conteudo , alem de muit side projects para pegar uma ideia dos desafios que entranta no desenvolvimento de software. O curso do Filipe deve ser animal , mas salvo engano eh para quem ja tem nocao de programacao entao consegue captar muito mais, ainda quero adiquirir ele :). Resumindo vc pode fazwr o bootcamp que for mas o bootcamp em si nao vai te fazer um developer mas sim te mostrar a trilha, que eh mais facil que focar catando curso free por ai, mas se tem uma no ao ai consegue fazer tudo gratuito, depende uns 70% de vc e 30% do bootcamp/ curso.

1

Se não me engano o curso do Filipe cobra que vc tenha conhecimentos da logica de programação e de Javascript.

Fico feliz que seu amigo tenha uma boa experiencia com o curso e concordo com a parte de correr atras que vc falou

Mas acredito que um curso de 2000, em um pais onde o salario minimo é 1320 deve te ensinar muito mais do que um copy/paste de projetos de figma, muito mais do que instrutores falando "não precisa saber deste conceito agora, te falo depois. So faz oq estou fazendo e vai da certo".

Pegando de exemplo o curso do Deschamps, quando ele foi nos introduzir Docker, ele contou toda a historia do docker, para que o docker serve, como ele funciona para so depois nos mostrar os primeiros passos e comandos com ele. Foi a mesma coisa quando foi explicar Continuos Integrations, quando foi falar sobre testes e etc. O carinho e cuidado dele com o contéudo vale cada centavo, a gente que é aluno sente que não somos apenas um número ou um dinheiro com pernas. As vezes eu fico com a sensação que sou até amigo intimo do Deschamps kkkk

Eu desejo sucesso para voce e seu amigo, que Deus abençoe grandemente a vida de vocês!

1

Entendo isso, meu irmao me falou uma frase que eh: " O otimo é inimigo do bom" , que depois que vc pega algo muito bom as outras coisas que tambem sao boas parecem ruins.

Eu fiz bootcamp de TI pela Ironhack aqui na alemanha, mas eles tem filial no BR tambem. E eles tem a grade deles e vao passa do muito conteudo etc, voce imersa no conteudo e claro que alguns conceitos sao passados por cima pois nao da tempo ( sao 9 semanas de bootcamp , 8h por dia ) mas eh assim. Sobre valores acho que nao esta fora do preco nao, nao é facil fazer conteudo como eles fazem, alem de ter uma equipe grande por traz. E se nao fosse bom o Deschamps nao tinha feito colab e propaganda deles na newsletter, o que ja ocorreu. Eu ainda acho que infelizmente voce teve um ma experiencia, que poderia ter ocorrido em qualquer outro lugar. Desejo sorte na sua jornada.

1

Eu acho que certos cursos são para um certo ponto. Só de ver os conteúdos do "AcentoDeFoguete" eu percebi que precisava mais para poder tirar proveito - não que o curso não seja bom.

Fato, cursos baratos te entregam mais do que imagina - mas não se engane, é uma situação controlada, então aprecie, aprenda as técnicas e tente fazer algo sozinho, bata cabeça, pergunte na comunidade, veja documentações e aprenda a saber o que precisa com essas idéias e use o chat GPT sim. Não vai adiantar usar sem saber orientar, é um começo, mas não o todo.

Existe uma enorme ansiedade, existem clientes que querem acreditar - é assim em qualquer área promissora. Só não te contam das dores e aprender pede muita dedicação.

1

Eu aprendi isso agora e é o que estou fazendo. A cada conjunto de conceitos novos que aprendo, tento coloca-los em pratica o mais rapido possível

Esses dias estava instalando o AstroVim, que é uma distro do neovim. E a cada erro vencido a configurar o ambiente eu aprendi coisas novas. Nisso eu percebi que não devemos temer os erros, cada erro é um aprendizado quando resolvido e vou criando "casca".

1

Tive a felicidade de conhecer o sabio Akita antes de conhecer o AcentoDoFoguete kkk
O que tem de dev que o akita ja salvou de cilada ele não deve fazer a minima idéia.
Sobre a parte do acento eu vi uns videos, os caras são meio fissurados em libs da moda e coisas assim, pro meu caso em deixou mais confuso do que ajudou. Isso em só um video, não faço ideia de como sejam os cursos...

1

Eu conheci o Akita depois, infelizmente kkkkk

E sim, tudo que eles resolvem, pelo menos no Explorer é com Lib. Mas tudo bem, passar por essa experiencia me fez ter um choque de realidade e ver que eu estava queimando a largada.

Sempre que passamos por algum problema em nossa vida, podemos escolher sofrer por ele ou aprender com os erros. Eu escolhi aprender (depois de sofrer) kkkk

1

Cara, importante demais o seu relato. Parabéns pela humildade e empatia em querer compartilhar os seus erros mano, sinto que você está no caminho certo, deu pra ver que está curtindo agora o seu aprendizado.

Sobre o curso do Mairo vergara foi o conteudo de internet que mais impactou em minha vida inteira. Eu tinha dificuldade demais com o ingles, tive 3 anos de ingles na faculdade e era um sufoco pra conseguir a média, eu odiava. O curso do Mairo mudou completamente minha forma de lidar com o idioma, hoje com 2 anos de estudo entendo praticamente tudo que escuto e estou trabalhando a fala, sou muito feliz e grato.

1

Obrigado por ter tirado um tempo para responder meu post!

Eu fiz as aulas gratuitas dele e já notei uma pequena evolução. Eu to juntando uma grana para comprar o curso dele completo já!

Desejo sucesso para você. Quie Deus te abençoe sempre!!

1

Eu vou dar o meu panorama sobre a suposta "Assento de Foguete". Sou programador desde 2006, iniciei no Web mas utilizando PHP. Tive um afastamento da profissão por 5 anos para empreender, e voltei a focar na área de programação em 2021. Cheguei a comprar N cursos, N escolas de conteúdo (Alura, SchoolOfNet, e etc). Queria me atualizar no mercado de Front End, então tive que escolher um Framework/Biblioteca de Front, vi 3 opções inicias: Angular, React e Vue.
Em uma breve pesquisa, acabei encontrando o conteúdo gratuito da Loiane no Youtube para Angular. Cheguei a estudar e até correr atrás de me especializar, mas esbarrei nas oportunidades de mercado, tenho ranço de Java desde a faculdade, e maioria das oportunidades de emprego pra Angular, normalmente é Full Stack com uso de Java no Back. Ai desanimei.
Comecei a procurar conteúdo focado nessa área de CrossPlataform, vi que o React tinha muito mercado, teria o ReactNative (mobile) e ainda o Electron (desktop). Achei interessante a proposta. E mergulhei, fiz alguns cursos baratos e até de conteúdo muito bom do Udemy. Mas acabei me identificando mais com a RocketSeat. Contratei o Ignite final de 2021, e sou cliente de lá até hoje.
Realmente concordo que o ensinamento lá, não chega a ser formação de base de sólida. Mas a promessa deles pelo menos pro Ignite é de uma Especialização para quem já tem 1-2 anos de experiência no mercado. Então foco é mais mostrar tendencias atuais, apresentar ferramentas, e assim como em faculdade, quem faz a evolução nem sempre é a "plataforma", mas sim o ALUNO.
Depende únicamente do Aluno correr atrás de mais conhecimento, de explorar ferramentas e tendencias apresentadas em cursos e etc.
Hoje presto serviço em Front End em React, e tenho projetos pessoais paralelos, utilizando todas as vertentes, Mobile e Desktop além do Web, tendo o Node como Backend.
Acredito que o valor de 2K reais HOJE, não seja um valor tão absurdo assim Parcelas inferiores a 150 reais. Sendo que hoje qualquer curso de inglês convencional, RUIM, custa 300 reais ou mais por mês. Querendo ou não dinheiro no Brasil, cada vez vale menos. E a operação da empresa é gigante. Concordo que pode achar cursos na Udemy de 30 reais que tem conteúdo parecido, talvez até melhor. Mas quem usa a RocketSeat, e explora todo o Ecossistema, que são os fóruns, discord e etc. Consegue desenvolver e muito suas habilidades. Sempre tem Devs dispostos a ajudar em dúvidas, em te orientar pra próximos passos. Sempre tem projetos de outros Devs pra poder ajudar e absorver conhecimento.
Não tiro seu direito de insatisfação, pq acho que o Programa deles que foi lançado como EXPLORER, realmente é um Curso de Venda de Sonhos. Que acho que o Timing deles foi ruim, que em 2021, realmente tinha mercado pra Noobs. Mas desde meio do ano passado, o mercado encolheu para iniciantes, e acaba sendo só promessa de futuro um curso para quem está no ZERO.
Hoje quando alguns me perguntam por onde começar, eu sempre Indico o FreeCodeCamp, acho uma plataforma sensacional, de mão na massa, de projetos bacana pra ensinamento, diferente de faculdade que passa o conhecimento, e quer que vc se vira pra montar o quebra cabeça. Sendo que nem sempre, você como iniciante nem tem como imaginar um inicio.
E depois acho interessante sim, essas plataformas de evolução profissional, para quem quer se especializar, ter uma apresentação de coisas mais especializadas da ferramenta que você quer focar e etc. Mas nunca tirando a obrigação do Aluno de correr atrás de buscar conhecimento por conta própria. Lendo documentações, vídeos no Youtube, Stackoverflow, e etc.
Sobre o Inglês, acho que HOJE pra quem deseja um Futuro com salário digno, é o mínimo, não acho que precisa ser a FLUÊNCIA, mas um Intermediário/Avançado ali, é fundamental para o crescimento profissional, e abertura do horizonte para oportunidades online ou no exterior.
No Final nem sempre o que vai contar é seu conhecimento master, achar que vc vai criar sistema operacional sozinho e etc. E sim sua experiência em resolver problemas, controlar danos e etc.
Conheço tanto Senior Front End, que digita linhas infinitas de CSS pra fazer coisa que com 3-4 linhas já resolveria. Mas o que fez ele chegar ali, não foi ser a enciclopédia, o gênio da computação, mas sim a experiência em resolver o problema e tomar decisões.
E uma coisa que me incomodou bastante no retorno a área de TI, é que Faculdade hoje não quer dizer nada. Já tive colegas de trabalho, que tudo aprendeu em casa, zero certificados, faculdade e etc. Conhecimento muito maior que o meu, tanto na parte das linguagens, quanto da parte teórica. O que reforça o que disse antes, o interesse da própria pessoa é o principal para um futuro profissional. Alguns deles estão no exterior já trampando pra multi nacionais, e nenhuma fez questão de formação academica. Comprovou o conhecimento nas entrevistas, é o necessário.
Desejo tudo de bom pra tu, que tenha um futuro sensacional na área de TI. Sempre tendo muita disposição e controle emocional, pq não é fácil. Eu sai da área por 5 anos, e hoje tenho pressões imensas, salário realmente ta bom, diferente do inicio da minha carreira, Durante e Pós pandemia os salários subiram muito. Mas antes era triste. Acredito que pro INICIANTE hoje está como no passado. Sarrafo está bem alto. To vendo muita gente estudando muito e tendo primeiro emprego como Pleno já. Pq o Junior foi banalizado. =(

1

Eu concordo com o seu relato. E o que percebo sobre o Explorer é realmente isso. Contéudos rasos e falsas promessas. Até esses dias o slogan do Explorer era entrar na area de TI em 6 meses.

O que percebo e que já falei em outros comentários é que o Ignite realmente cumpre o que promete e para quem já é dev front-end que já atua na area, vale a pena para se manter atualizado, pois no front sempre sai novidades, uma lib nova, um framework novo e nada melhor que uma plataforma de qualidade para te auxiliar.

Aparentemente, como o contéudo é para profissionais, eles tem uma preocupação maior com a qualidade, pois ensinar algo novo a um profissional requer aprofundamento nos contéudos. E também um profissional já tem o olhar mais critico para a qualidade de contéudos.

E como já falei, quem cria os contéudos do Explorer e Ignite são pessoas diferentes. Isso deve influenciar também.

Sobre a faculdade, eu sei que temos que correr atrás, pois lá não ensina tudo que precisamos. Acredito que a faculdade é mais para se criar network, aprender a base e ver contéudos que nunca estudariamos por conta própria, mas que é útil no dia a dia. Fora você poder fazer um estágio, que já é uma porta a mais para entra numa area cada vez mais disputada.

Eu fico muito feliz que meu relato conseguiu alcançar muita gente e dentre elas devs com tantos anos de experiencia. Tu começou em 2006 cara, 2006 eu tinha 4 anos. Hj tenho 21 anos (inclusive hj é meu aniversario) e vc ta aqui me mostrando sua exp e me dando conselhos. Muito obrigador por tirar esse tempo para responder meu post. Desejo sucesso pra ti também!!

1

Meu querido! Estou nessa área, comecei de curioso, por ter preguiça de fazer trabalho escrito (a mão) no colégio. Quando tinha 14 anos, dei sujestão pra um professor se eu poderia fazer um site, na época algo com TABELAS em HTML, bem simples, páginas estáticas. O professor deu a permissão, internet na época não chegava em 1mb. Era coisa de 60 a 200kbps. Então era o inicio da banda larga. Fui me desafiar em fazer o site em HTML, na época utilizei FrontEditor, era tipo um Dreamweaver da Microsoft, vinha no Win98. Era um editor visual. Ali tentei fazer o site, e me perdia com configurações, até que aloprei e fui estudar um pouco de HTML pra saber fazer da forma que eu quisesse, sem ter que usar modelo pronto do programa. Ali aos 14 anos, em 2004 dei o meu primeiro passo na Web. Que me fez tirar 10 no trabalho, e ser destaque. Dali até os 16 anos, nunca peguei em programação. Até que o mesmo professor me indicou pra um amigo dele, pra fazer um site comercial de uma fábrica de Foguetes.
Corri atrás de saber o que ele precisava, encomendei um curso de PHP em DVD pelo correios. Nessa época não dava pra baixar as coisas kkk Internet era lenta ainda. Comprei um DVD da Becck PHP. Nele ensinava a fazer um CMS básico, ensinava SQL no Mysql, fazer CRUD e tals. Estudei esse DVD de 26 horas em 4 dias, e em 7 dias entreguei o site pro cliente.
Após isso, minha vida mudou. Comecei a estudar as coisas e correr atrás. Fiz sites pra jogos online e etc.
Quando comecei a faculdade em 2010, tive o desanimo grande. Salários não eram bons ainda. Barrera de entrada era grande, então acabei ficando de Freelance com contados que iam aparecendo devido ao boca boca. Empreendi por 5-6 anos em um sistema próprio Web, de prestação de serviço. Só em 2021 que fui chegar no primeiro emprego.
O caminho é bem tenso, estudo sempre insano. A cada 2-3 anos se você se acomodou, vai tomar uma surra quando for obrigado a se atualizar. É uma vida de constante provação e resiliencia.
Desejo tudo de bom pra tu, que essa sua vontade se mantenha e consiga alcançar seu objetivo.
O mercado só tende a melhorar e crescer mais ainda. Então um lugarzinho você terá, só se esforçar e lutar por ele.
Sucesso pra tu.

1

Caramba! E hoje em dia com tudo ao alcance de um clique e ainda reclamamos. Talvez os altos sálarios iludiu muita gente e só vai fica quem tem determinação e faz isso por amor mesmo vii kkkkk

1

Creio que realmente, cada vez mais as vagas de Junior vão diminuir. Pois já está saindo muitas ferramentas e até IA pra resolver problemas básicos que atrasa o Start de um projeto.
Acho que vai ser segmentado a empresa, empresas que vão focar em Juniors, pra formar profissionais pro mercado e mão de obra barata. Algumas nem vagas de Junior existem mais, só Pleno e Senior.
Então realmente, o que vai diferenciar é a Resiliencia, a força de vontade. Que eu vi a web estática, dinâmica, SPA, e etc. Programação procedural, orientada a objeto e etc. Cada dia surge algo diferente, algo que você precisa se adaptar, as vezes sofre muito, e pensa até em desistir.
De 2021 até hoje, já pensei em abandonar umas 3x, e tipo, nunca tive pressão financeira ou até questão de reclamação de chefe e equipe, é mais a auto cobrança mesmo de entender e me sentir bem. Pode até ser um pouco de sindrome do Impostor. Mas ela sempre ta ali do lado de um programador. As vezes vc chega a se questionar, se vc decorou ou se realmente entendeu e aprendeu como funciona!
É por isso que até hoje eu vejo cursos variados, nem sempre só de coisa nova ou mais avançada. Vejo cursos de iniciantes, cheguei a ver o Curso do Explorer mesmo que critiquei anteriormente, mas deixo claro que achei a parte de CSS maravilhosa, soluções e explicações, que muitos Seniors nem utilizam ainda. Que igual falei antes, Senioridade não quer dizer conhecimento absurdo, mas sim experiência.
O conhecimento pode estar em vários lugares, vários cursos podem querer abordar TUDO, mas as vezes não conseguem, mas sempre acabo achando um ponto positivo no meio do curso que vira uma chave na minha cabeça.
Concordo com vc antes, de falar que tem vários Instrutores, que talvez um é melhor que o outro e tals, mas por exemplo na RocketSeat, no Explorer, quem faz a parte de React é o Rodrigo Gonçalves, e concordo contigo, ele não me deixou feliz lá. Achei muito receita de bolo, pouco explicativo, ficou roterizado o curso nessa parte. Mas por outro lado, o Rodrigo Gonçalves é Especialista em REACT NATIVE, ele que ministra as aulas no IGNITE. E cara, que conteúdo FERA que ele faz. O amigo ali encima comentou que migrou pra React Native saiu do web pro Mobile, e tenha certeza que ele foi uma agraciado com as aulas do Rodrigo Gonçalves no Ignite de React Native.
Ali na RocketSeat, Diego é Fenomenal no React e NodeJs. Rodrigo maravilhoso no ReactNative. E o Mayk Brito é uma enciclopédia do CSS HTML, cara manja muito, dá soluções absurdas, sempre me surpreendo com conteúdo novo dele.
Hoje a RocketSeat possui o ONE, e eu acho que vale o investimento, se for optar no futuro pelo React e vertentes. Eu recomendo demais.
Vi que vc quer ir pro C#, é uma linguagem bem bacana, e em constante evolução, tenho vários amigos Backend em C#. Salário num é ruim, média de 10K no CLT. Liquido sai na faixa de 7K e pouco. E realmente C# é bom saber Angular. Angular pra mim até hoje foi o melhor de Front end. Achei maravilhoso, organizado, arquivos ficam 100% separados, js, html e css individualmente. Diferente do React que me joga o Html e CSS (Xhtml e XJS ou TSX) tudo junto. Mas com o tempo, consegui ver que é possível ter uma organização de código.
E aquele negócio. Quando entrar no mercado de trabalho, e pegar um projeto já andando, tu vai ver que essa mania de organização e etc, só funciona em projeto próprio, que equipe trampando, sempre tem os lambões que deixam uma zona. Que as vezes vc pra tarefa simples que num perde nem 2 horas, demora 10 horas só pra entender a Lasanha do código! kkkkk
Acho que a pior parte de ser programador, é trabalhar em equipe. É ter cabeças diferentes dentro de um mesmo projeto. Pra mim sempre foi o maior Desafio. Entender a mente das pessoas, conseguir ler o código e interpretar, tentando identificar como o cara pensou pra fazer aquilo. É LOUCURAGEM, prepare! Por isso eu acho legal exercitar com projetos em comunidade, entrar em fórum, ou discord de Devs da sua área desejada, contribuir com projetos, ou até entrar pra ajudar projetos de outros Devs que tão procurando voluntários e etc. Ajuda demais a tirar esse bloqueio de pavor com código alheio kkk
Mas estamos passando por uma fase louca, que já teve no passado, minha faculdade iniciou 80 alunos, só 14 formaram, e apenas 4 trabalham na área. TI não é pra qualquer um, formar num quer dizer que vai trampar e ser bom. Existem muitas pedras no caminho. Hoje essa massa querendo virar programador, acredito que nem 15% realmente chegue lá. Quem vai na ilusão financeira, em 1-2 anos cai na realidade, e acaba a motivação. Triste realidade.

1

Sim, e a régua segue aumentando, para mim o melhor caminho para entrar no mercado hoje é fazer uma faculdade e estudar contéudos por fora e tentar vagas de estágio. Por mais que o sálario seja baixo de inicio, não é isso que me preocupa e sim em adquirir experiencia e conhecimento. Acho que todos deviam pensar assim.

Eu já até separei projetos open-source para contribuir. Esses dias tava estudando o codigo de um, tentando entender e é realmente isso que você falou. Fiquei um bom tempo para entender como a pessoa chegou naquela conclusão.

Sobre as trilhas, as minhas criticas vão somente ao Explorer, após seu relato e de outros colegas eu tenho a conclusão que o contéudo do Ignite é de alta qualidade. E vi contéudos do Diego no Youtube e ele parece ser muito bom também. Eu não sei como funciona o dia dia no trabalho deles, mas acredito que as vezes os instrutores só estão dando aula onde não são especialista.

E minha escolha pelo C# foi pq eu fiquei cerca de 1 mes experimentando e vendo o básico das principais linguagens, quando cheguei no C# e vi todas as suas possibilidades, foi amor a primeira vista kkkk e também com C# posso trabalhar tanto o backend quanto o mobile com Xamarin/MAUI. Então é ela que estou estudando e é com ela que vou me especializar!

1

Concordo sobre tudo o que tu disse, só tenho algo para complementar. Quanto ao inglês, caso não tenha dinheiro para comprar ou pagar a mensalidade de um curso, crackeie o curso do Mario Vergara, ele permite, a única condição é uma condição moral, que quando você tiver dinheiro, você compre o curso dele. Caso procure no youtube, verá vários videos dele falando sobre isto.
O curso dele é simplesmente incrivel, com conteúdos de primeira qualidade e uma didática incrível.

1

Eu percebi isso nas 27 aulas gratuitas que vi dele e aprendi bastante. Cara eu trabalho atualmente (não como dev) e estou juntando uma grana pra comprar. Me dá até um peso na consciencia de fazer isso com um contéudo tão bom kkkk

1

Essa mesmo estava conversando com a minha turma sobre a dita e não é a primeira pessoa que vejo frustado com o curso, fora o arrependimento com o gasto elevadissimo, ainda mais aos que estão começando. Inclusive vi alguns recrutadores ficarem com um pé atrás quando veem no curriculo a dita. Preocupante. Mas com já disseram: não há caminhos facies e as suas dicas de cursos são otimas.

1

Parece que cada vez mais tem gente infeliz com essa trilha do Explorer deles.

O que percebo também e já vi feedbacks de outros colegas é que a trilha do Ignite tem mais qualidade. Percebo tambpem que eles meio que querem te entregar so o basico do basico no Explorer para que desta forma possa "obrigar" o aluno a comprar o Ignite para se aprofundar mais.

Isso é só um achismo meu, mas isso fica muito aparente com tanta gente criticando o Explorer e já vi pessoas criticando a nova trilha de Java também. Esses dias lançaram uma de Pythonj para IA.

A sensação que tenho é que só estão lançando trilhas para ganhar mais e mais dinheiro e não se preocupando com a manutenção das trilhas atuais e em entregar um contéudo de qualidade.

1

Foi a impressão que tive nos meus dias gratuitos! De que o explorer te dá o minimo do minimo, fiz o do ignate e lá tinham coisas mais complexas no final da trilha e aparentemente estavam atualizando o conteudo.

E concordo contigo, o negocio dos caras é a venda de novas trilhas e assim seguirão

1
1

Tenho que concordar sobre a qualidade dos conteúdos, porém não posso me colocar na mesma situação, porque fui feliz em comprar o curso entre os 20 primeiros, na época, era só React Native e com o mesmo valor atual, porém eu paguei com 90% de desconto, e exceto o Plus e trilhas como a extinta Elixir e agora Java, que não tenho acesso, a menos que faça upgrade. O restante, as 3 principais trilhas, eu recebo atualizacões de 2017 sem custo. E preciso reconhecer que foi através deles que perdi o medo de JavaScript e comecei a evoluir na lang... Mas me considero o alumni mais safado que existe, nunca fiz os desafios. Eu sempre busquei entender o conteúdo e aplicar ele seja no trabalho ou em ideias pessoais, que me forçam ir além do ensinado e colocando a prova.

Disso, mesmo que parado, eu tirei do papel um projeto pessoal, que escolhi o caminho mais complicado, com a ideia de me testar e deu bom, vi que ainda estava longe de um ideal, mas bem melhor do que pensava...

Mas o mérito sobre isso é muito mais meu, de não ficar preso copiando e colando, código, mas sim tentando expandir o conhecimento.

1

Quem comprou nesta época deve ter valido muito a pena mesmo. O que percebi é que quase todo mundo elogia o Ignite e critica o Explorer.

Eu acredito que isto aconteça pq o Ignite é para devs profissionais, então obrigatoriamente tem que ser um contéudo de alta qualidade. Se não me engano eles também vendem esta trilha para empresa, então isso faz com que eles tenham uma dedicação maior sobre a qualidade do contéudo.

Outro fato também é que quem cuida do contéudo do Explorer e Ignite são pessoas diferentes. Isso deve influenciar também.

Eu fico feliz que tenha sido feliz com sua experiência. Desejo tudo de bom e sucesso na sua carreira.

1

Obrigado man, de modo geral, posso dizer que fui feliz e estou feliz, mas soube aproveitar a oportunidade e ir além. O projeto que citei ter criado para testar os conhecimentos, em breve devo voltar com ele, agora num modelo mais simples, apenas para retirar a ideia do papel, rs. Mas eu concordo que o nível e qualidade dos conteúdos, tem se degradado nos últimos tempo. Até mesmo nos eventos semanais que não perdia um durante os primeiros anos, hoje quase não acompanho... O que mais me desmotivou é o lance de premiação pra quem convidar mais gente, isso criou uma rede de spam nas redes sociais que é virou um porre. Mas enfim, bola pra frente e sempre buscar extrair o melhor das oportunidades e que elas não custem um ruim kkkk

1
1

Isso foi uma coisa que me desanimou e nem por não conseguir concorrer, mas porque não me parece justo... Se os premios fossem direcionados para quem participa ativamente do evento, que entrega os projetos com alguma evolução além do que foi mostrado. Essa seria uma forma mais justa de premiar e não promover o spam em busca de mais gente no evento.

1

Eu concordo, mas parece que são guiados pelo money. Tem muita coisa que eles tem que mudar.

Isso só vai acontecer quando os alunos se juntarem e reclamar, ou o bolso deles começar a sentir.

1

Fala Marcos, sinto muito por ter tido essa experiência. Não sei se já ouviu falar mas tem uma plataforma brasileira tentando sanar esse exato problema, de bootcamps ou cursos que cobram o olho da cara e ensinam coisas básicas que as pessoas poderiam ter aprendido sozinhas.

A plataforma é a https://menthor.io/, sugiro que dê uma olhada, todos os materiais são gratuitos e open-source.

1

Boa noit! Muito obrigado. Eu vou da uma olhada, obrigado pela indicação.

Eu espero mesmo que esse problema chegue ao fim. Eu não sou contra a venda de conhecimento. Acredito que se você tem experiencias a partilhar e coisas a ensinar, nada mais justo que cobrar pelo seu esforço, mas sempre com a preocupação de entregar algo de qualidade e a responsabilidades com seus alunos.

1

Criei a conta no tabnews simplesmente para participar da discussão.

Acho que uma das grandes diferencas da carreira de um dev e a virada de chave de até onde você depende de um conteúdo teórico pra quando voce consegue se virar bem no prático. Pra chegar nesse ponto a melhor forma e sempre na prática.

Bootcamps nunca foram minha praia o que deveria me fazer concordar com sua opinião, mas nao posso deixar de reconhecer que pra algumas pessoas eles tem o potencial nao só de iniciar no mundo da tecnologia com uma visao mais simplista, como tambem apresentam conceitos novos e algumas tecnologias tendência que ajudam em realocar profissionais travados.

Acredito que aqueles que vendem os cursos(superficiais ou não) não são o problema.E sim o propósito de quem se inscreve neles(dev em 6 meses já deveria estar meio batido).

No geral tive algum contato com os cursos que sugeriu e concordo com cada um. Anexaria também o Gustavo Guanabara do Cursos em Vídeo (talvez nem foi citado por ser um patrimônio dos devs br).

No geral tempo, prática e resiliência vao te moldar um ótimo dev. Conteúdo não falta nos dias de hoje , tanto gratuito quanto pago.

1

Eu esqueci sobre o Guanabra, meu primeiro contato com programação foi com ele kkkkk

Eu era ingenuo e queria ir na pressa e cortar caminho. Agora tenho uma opinião parecida com a sua sobre bootcamps. Aprendi também a pesquisar e a montar um plano para minha carreira.

No próximo ano, eu vou fazer Engenharia de Software. Atualmente estudo C# para Backend e vou começar a aprender Angular. Depois que tiver um certo domínio nessas tecnologias (e outras que as envolvem) vou tentar vagas de estágio.

E sobre o dev em 6 meses, este era praticamente o mantra deles quando assinei o Programa deles. Hoje em dia já mudaram. Perceberam que essa não cola mais.

1

Boa noite gente! Andei percebendo algums posts falando não muito bem da rocketseat. eu estou vendo o ignite, a trilha de react. alguém que já viu, poderia me dizer se estou perdendo tempo assistindo. e alguém teria algum curso de react para indicar?

1

Boa noite, mano. Se o Ignite vale a pena não posso te dizer, pois o que consumi foi o Explorer e a maioria que fala mal é sobre o contéudo raso do Explorer.

Sobre o Ignite, em alguns comentarios deste mesmo post pessoas que já compraram estão deixando sua experiencia sobre.

1

Então, é um assunto complicado, talvez vc nao tenha se adequado a didática do curso, mas eles são uma empresa séria, e acredito que fazem um trabalho legal, eu acredito que este tipo de curso acaba sendo apenas um auxiliar, pois como sabemos a graduação em sí é defasada por uma série de motivos, então como complemento é interessante ter e estudar nestes cursos, claro que existe muitos charlatões ainda neste meio, oferecendo cursos milagrosos, mas eu não acredito que este mencionado faça exatamente isso, até pq eles são bem fortes na comunidade, se vc olhar por esta ótica dos cursos de mainstream tão eles e a outra concorrente "scuba" que tem trocentos cursos, ambas mantém comunidades bem fortes no Brasil, acredito que nenhuma destas prometa esse tempo de 06 meses pra virar qualquer coisa, lembrando que eu nem tenho assinatura em nenhuma das duas, mas já participei de bootcamps gratuitos da do foguete e da scuba e consegui tirar proveito e de fato aprender, acredito que o valor que cobram faz juz a qualidade do material, mas volto a enfatizar que mesmo defasado, nada supera um curso superior, por N motivos, até eu acredito que as duas plataformas, a do foguete e a outra concorrente famosa, deixam vc experimentar a plataforma por um X de dias, então nesse período dá pra vc estudar bastante e ver se aquilo condiz com o q vc quer aprender e se vale o teu dinheiro...

acredito que é só uma questão de alinhar expectativas com realidade, antes de sair passando o cartão, até pq a internet vende com muita emoção e em todo lugar todo mundo mostra um mundo perfeito, e claramente a realidade é bem diferente..

E outra, hoje da pra estudar e se garantir somente com coisas gratuitas, com o tanto de coisa que tem por ai, dá pra estudar tranquilamente. Só decidi opinar, pq acredito que a comunidade do foguete faz sim um trabalho sério, e nunca vi eles prometerem nada em 06 meses.

Concordo com a indicação do curso do Deschamps, na minha opinião hoje, é o melhor conteudo disponivel pra devs.

1

muito bom o seu aviso, sinto muito por esse dinheiro perdido. mas fiquei connfuso nesses comentários. tá absolutamente polarizado, inclusive passa até a sensação de que quem tá elogiando é só um bot da assento de foguete

1

Sou da época do GoStack, ainda quando era vitalicio. Comecei com a versão pirata de um dos últimos GoStack lançados (não lembro a versão, era fim de 2019/inicio de 2020) e gostei muito. Também não tinha condições muito boas mas mesmo assim decidi comprar e entrei na última turma antes de virar Ignite.
Foi o melhor investimento que fiz em questão de conhecimento... Poderia ter me dado bem com outro curso? Claro que sim. Mas considerei o GoStack/Ignite essencial pra minha carreira.
Dei sorte de surfar o hype da pandemia? Talvez. Mas o curso em sí foi de suma importância. Absolutamente tudo, da primeira rota em Node com Express ao último componente em Next, foi e é útil até hoje.
Acho que o maior problema não é o curso em si, mas a expectativa do que o curso te trará de conhecimento. Ele te prepara pro mercado, e isso ele faz extremamente bem...

0

Eu acredito que para tudo na vida devemos sempre encontrar outras maneiras de se obter algo, não é novidade que vivemos em um mundo que possuimos muitas informações, porém não sabemos fazer perguntas e esse também deve ser um exercício contínuo, aos poucos nossa capacidade de buscar conhecimento e melhores soluções naturalmente vai surgindo.

Existem bons cursos, existem boas faculdades e existem bons artigos mas nem sempre apenas eles serão suficientes, sempre devemos buscar mais "por fora", se eu fosse depender da faculdade para ser programador estaria ferrado, já notei em alguns colegas que eles se amarram muito a faculdade ou curso e isso se torna muito limitante por que você fica depedente de alguém pegar na sua mão e criar algo em um ambiente controlado.

Quando eu tinha uns 16 anos, um colega do meu pai me presenteou com um curso de Java (que até hoje não terminei) da Cod3r, o mentor é o Leonardo Leitão, cursinho muito barato e com uma didática muito boa, só que na época eu não tinha tanta desenvoltura na área e por essas e outras não cheguei a terminar o curso; cursos assim são interessantes pra te guiar mas uma hora você tem que sair sozinho de casa. Aprendi bastante quando entrei na faculdade, o choque de realidade que tive me fez despertar e entender como tudo aquilo funcionava, porém eu aprendo muito mais quando estou na biblioteca me aprofundando em conhecimento.

Eu acho que a lição que fica pra hoje é:

  • Cuidado com os investimentos, as vezes vale mais a pena participar de grupos no telegram e conseguir esses cursos, se o conteúdo for bom, em algum momento iremos ajudar seu criador.

  • Não seja dependente de nada, sempre expanda suas possibilidades, tente explicar tal assunto pra alguém,participe de fóruns, grupos, rodas de conversas, artigos, vídeos, seja lá onde for esteja sempre diversificando sua forma de adquirir conhecimento

"Apenas que busquem, conhecimento."