Executando verificação de segurança...
7

Um dia CATASTRÓFICO e a tentativa de reviver meu notebook jurássico

Prólogo: Trabalhando como suporte técnico remoto e em transição de emprego, posso dizer que passei por um perrengue dos brabos depois que minha ferramenta de trabalho provisória falhou...

Introdução

Naquela semana havia recebido uma ótima notícia de que passei para a última etapa de um longo processo seletivo. Programei uma data segura para iniciar em meu novo cargo para que não atrapalhassee as últimas entregas do meu atual trabalho.

Minha vida já estava agitada o suficiente, mas, sexta-feira (28/06) foi o fatídico dia em que tudo ficou mais complicado.

Meses atrás, devido a um curto de energia em meu bairro, meu notebook principal nunca mais ligou. Um mini computador que usava na sala se tornou a minha solução. Até esse dia.

O Evento Canônico

Com um processador beeem de entrada, memória suficiente para algumas tarefas simultâneas, ele deu conta das minhas demandas. Mas ele decidiu me testar.

Comecei o dia normalmente lendo algumas notícias, artigos, e-mails, até que tudo congela: O sistema de refrigeração pifou de vez.

Na próxima semana eu tinha uma reunião importante para resolver alguns detalhes da vaga, e ainda tinha que passar por um treinamento num sistema interno, o que significava que eu precisava resolver isso no final de semana.

Desmontei, tirei o pó acumulado, troquei alguns thermalpads, pasta térmica, orei e nada. 105°C, o superaquecimento continuava.

Me bateu uma tristeza profunda, uma sensação horrível de você não estar no controle da situação.

O Jurássico Samsung RV415

E lá estava ele, um Samsung RV415, logo pensei:

"Não, não vou perder meu tempo com isso. Há 12 anos atrás, quando minha mãe o comprou ele já era lento o suficiente para travar em joguinhos de navegador, eu lembro da minha frustação"

Suas especificações:

  • AMD E-300 1.3GHz
  • 2GB RAM
  • 500GB HDD
    Bom, poderia ser pior.

Coloquei na tomada, liguei e esperei eternos 7 minutos até que o Windows 8 apareceu na tela e então o desliguei, fim...

Fim da minha paz porque passei o resto do dia instalando um SSD, adicionando memórias, limpando e configurando um Arch com Xfce como meu sistema operacional. A inicialização melhorou e a navegação na internet ficou menos dolorosa, o suficiente para editar alguns documentos importantes e responder e-mails.

Conclusão

E assim termina meu dia catastrófico.
Eu consegui garantir minha vaga de emprego.
Aprendi que devo ter um plando B, mas também um plano C melhor.
Vou fazer o backup de tudo e aguardo a chegada do outro notebook.


Alguma vez seu computador já te deixou na mão? Como você resolveu a situação?

3
3

Já fui salvo por um Acer jurássico dos anos 2000, se não me engano com Windows XP que mal ligava. Instalei Lubuntu e usei para atividades básicas... durante algumas semanas em que troquei de trabalho e estava sem pc. Ajudou demais!

Este post até me inspirou a procurá-lo pela casa... mas infelizmente não encontrei, provavelmente foi pro lixo em alguma arrumação.

2

Nossa, que situação! Uma vez instalei uma memória nova no meu PC, mas esqueci de configurar a frequência na BIOS. Detalhe: acabei comprando uma memória com 200 MHz a mais do que a que eu tinha. Enfim, nesse mesmo dia, quando entrei na minha daily para alinhar sobre meus projetos, só vi meu computador dando adeus aos poucos. A tela congelou e eu comecei a ver cada fragmento de pixel congelado na tela, e quase infartei por estar trabalhando no momento. Mas o pessoal do trabalho foi bem compreensível e até me ajudou; no final, deu tudo certo. Mas é bem desesperador quando coisas assim acontecem, principalmente para mim, que só tenho um PC.

1

Poxa em... Geralmente o sistema tentará sincronizar a frequência, mas existe a chance de ter algumas instabilidades.

A tela congelou e eu comecei a ver cada fragmento de pixel congelado na tela, e quase infartei por estar trabalhando no momento.

Imagino...

1
1

Sim, o Zorin OS era uma excelente opção. Mas com a descontinuação do Zorin OS Lite fica meio complicado.

E então fiquei na minha zona de conforto, afinal uso o Arch há um bom tempo, que também é uma distribuição Linux 🤝.

2

Eu indico qualquer distro linux com ambiente XFCE ou LXQt, certamente vai dar uma revigorada no teu velho notebook. Vai de Xubuntu ou Lubuntu.